Indústria 4.0: Por que empresas brasileiras precisam fazer a transição

 Em Marketing & Vendas, Marketing B2B, Marketing Digital
Tempo de leitura: 5 min

Indústria 4.0 é a que usa, ou usará, uma mescla de tecnologias capazes de realizar a fusão do mundo físico com o digital e o biológico.

Os componentes dessa combinação são inovações já existentes, como a Impressão 3D (Manufatura Aditiva), Inteligência Artificial (IA), Internet das Coisas (IoT), Biologia Sintética e Sistemas Ciber-Físicos (CPS).

É importante observar que outras tecnologias estão sendo criadas em ritmo cada vez mais acelerado – o tempo todo!

Vivemos em plena 4ª Revolução Industrial e, pode anotar aí: ela terá repercussão gigantesca.

Não que as três primeiras não causaram mudanças extraordinárias, cada uma a sua época. Delas surgiram:

  • As linhas de montagem
  • Eletricidade
  • Tecnologia da Informação
  • Ascensão da renda dos trabalhadores

Mas, a Indústria 4.0 será o grande desafio das indústrias brasileiras. Dados apontam que a 4ª Revolução Industrial é uma grande oportunidade para este setor da economia do Brasil.

 

Nova economia deve impulsionar a indústria

O Ministério da Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) do Brasil criou em junho de 2017 o Grupo de Trabalho para a Indústria 4.0 (GTI 4.0), que elabora uma agenda nacional sobre o tema para o país.

As atividades reúnem mais de 50 instituições, entre representantes do Governo, de empresas e sociedade civil organizada. Entre os levantamentos já divulgados, está o da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (Abdi), sobre a estimativa de redução de custos industriais.

 

nova-economia-deve-impulsionar-a-industria

Indústria 4.0 no Brasil: Benefícios trazidos pela implantação do modelo de produção.

O estudo prevê que, a partir da migração da indústria para o conceito 4.0, a redução anual de custos do setor será de, no mínimo, R$ 73 bilhões/ano.

Isso será possível graças aos efeitos da Indústria 4.0 sobre a produção nacional. Na lista estão:

  • A transformação profunda nas plantas fabris.
  • Controle do processo produtivo.
  • Customização da produção.
  • Ganhos de eficiência.
  • Redução nos custos de manutenção de máquinas.
  • Redução do consumo de energia.

A Abdi ainda desenvolve o Projeto Brasil Mais Produtivo. O propósito é elevar a produtividade de processos produtivos, com a promoção de melhorias rápidas, de baixo custo e alto impacto para a indústria.

 

Como fazer a transição para a Indústria 4.0?

Já é sabido que a competição tecnológica há muito tempo tornou-se a base do desenvolvimento econômico. Alguns países lideram o processo industrial. Outros fizeram História ou têm potencial no setor.

A boa notícia é que as indústrias brasileiras estão no meio do caminho para a 4ª Revolução Industrial. O que significa dizer que podem subir de posição no mercado mundial.

O MDIC, através da Agenda Nacional para a Indústria 4.0, orienta que empresas adotem uma estratégia Dual: mudando o presente e construindo o futuro.

 

Interligar diferentes tecnologias e áreas de forma inteligente é o que moverá a transição para a indústria 4.0.

A ideia é que a transformação inicie pelo uso de recursos físicos, financeiros e informacionais, de forma mais eficiente. Desta forma, espera-se que sejam oferecidos produtos e serviços mais competitivos no Brasil e no mundo.

Para atingir o objetivo companhias devem adotar modelos mais eficientes de gestão, como o lean manufacturing (técnicas combinadas usadas para reduzir e eliminar desperdícios). Também é fundamental que considerem dados analisados em tempo real para a tomada de decisões.

A indústria brasileira ainda precisa recuperar-se de algumas quedas sofridas nos últimos anos:

  • A participação da indústria de transformação no PIB, que já havia atingido mais de 20% em meados da década de 1980, reduziu-se para próximo de 11%.
  • De 2006 a 2016 a produtividade da indústria no Brasil caiu mais de 7%.
  • Brasil ocupa a 69ª colocação no Índice Global de Inovação.
  • No Índice Global de Competitividade da Manufatura, o Brasil caiu da 5º posição em 2010 para a 29º posição em 2016.

(Fonte: MDIC)

 

+ LEIA TAMBÉM: Marketing Digital Acelera Negócios Na Indústria

 

Jornada para a Indústria 4.0

Alguns assuntos são o foco da jornada da indústria brasileira para a Indústria 4.0:

  • Aumento da competitividade das empresas brasileiras.
  • Mudanças na estrutura das cadeias produtivas.
  • Fábricas do futuro.
  • Novo mercado de trabalho.
  • Massificação do uso de tecnologias digitais.
  • Startups.
  • Test beds.

 

Seu cliente tem o poder

Os progressos da tecnologia levam à transformação da indústria, das formas de consumo e do próprio marketing, que também se tornou Marketing 4.0.

No caminho, os ventos da inovação passaram a soprar não só das empresas para o mercado, mas principalmente no sentido inverso. O cliente ganhou empoderamento com a conectividade.

 

seu-consumidor-tem-o-poder

Hoje temos acesso ilimitado a informação. Sua empresa não pode só estar online. É preciso ir de encontro ao seu cliente.

Isso, por sua vez, criou oportunidades e tendências, como a interação entre organizações e clientes, a presença em multiplataformas, integração do universo on-line com o off-line, o marketing de conteúdo e a “advocacia de marca”.

Não é mais suficiente ser encontrado pelos clientes. O marketing B2B para a Indústria 4.0 vai ao encontro deles. Algumas alternativas para criar essa ponte são as promoções e outras ações de encantamento, através dos diversos canais na internet: redes sociais, marketplaces, lojas virtuais, sites, blogs, conteúdo relevante, automação de marketing…

 

Baixe agora o e-book sobre Marketing e Vendas na indústria.

 

Cliente 4.0 procura

Conhecer e entender o cliente do Business to Business 4.0 é outro tema vital para a indústria. Esse cliente é mais exigente, conectado e fácil de perder, caso não receba a devida atenção.

Se sua empresa está literalmente correndo atrás sem alcançar o cliente 4.0, é o momento de parar, respirar fundo e refletir.
Avalie o planejamento e as estratégias de Marketing Industrial nas quais está investindo.

 

industria-4.0-transicao-cliente-4.0-procura

Executar a estratégia certa coloca a sua marca no radar dos clientes 4.0.

O cliente 4.0 já vive a era da Indústria 4.0 e do Marketing 4.0. Então, a única forma de levá-lo a consumir seu produto ou serviço é demonstrando a importância da sua marca para ele. Mais que nunca, agora, é o cliente quem procura, encontra e escolhe – ou não – a sua empresa.

 

+ LEIA TAMBÉM: Com Inbound Marketing é o Consumidor que Procura o seu Produto

 

Conecte sua indústria

A conectividade mudou radicalmente o perfil dos clientes. E, logicamente, o mercado B2B não escapará das transformações. Hoje, quase todo mundo tem um smartphone como uma extensão praticamente natural de si mesmo. E este aparelho superpopular mantém a ligação entre pessoas de praticamente a totalidade do globo terrestre.

Antes de comprar da sua indústria seu cliente, seja ele influenciador ou decisor, pesquisa pela internet. E compara qualquer coisa que desejar sobre seu negócio com o dos seus concorrentes.

Trata-se de uma verdadeira investigação, que até pode iniciar por um comercial na televisão ou um anúncio de revista, mas a partir daí será concentrada no ambiente on-line.

 

conecte-sua-industria

No marketing para indústria é preciso cadência na comunicação, conteúdo relevante para avançar o lead na jornada de compra.

Para ser encontrada, sua indústria deve estar na rede e bem posicionada. A visibilidade virtual vai depender da forma como sua marca interage nas plataformas digitais.

Não basta mais oferecer produto ou serviço. É preciso oferecer informação, soluções para problemas, credibilidade, inclusão, e uma série de valores.

 

+ LEIA TAMBÉM: Transformação Digital: Sua Empresa No Grupo De Elite

 

Planeje a transição

Resumidamente, assim é a era da Indústria 4.0, do Marketing 4.0 e do Business to Business 4.0.

Nela, empresas acompanham e expandem a participação dos próprios consumidores e clientes em todo o processo de compra, para torná-los defensores e divulgadores de marcas, produtos e serviços.

Para ser encontrado pelo cliente 4.0, um bom planejamento de marketing é a primeira pista. Confira por onde começar.

Posts Recomendados

Comentários

co-marketing - Marketing de Parceria: Use para potencializar os negócios da sua empresa